Notícias

noticias.tvm.co.mz

Notícias

noticias.tvm.co.mz

640x360_340338.jpg

As forças governamentais reclamam progressos na reconquista de Sirte, principal bastião dos extremistas do Estado Islâmico na Líbia.

Os Estados Unidos realizaram, pelo segundo dia consecutivo, raides aéreos contra posições dos “jihadistas” na cidade, a pedido do governo de união nacional. Bengazi, onde se encontra o executivo reconhecido pelo Ocidente, foi palco esta terça-feira de um atentado suicida que visou militares e que se saldou em 18 mortos.

Barack Obama justificou o apoio aéreo às forças líbias, afirmando que se trata de uma questão da própria “segurança nacional” dos Estados Unidos e que não se deve deixar que o Estado Islâmico “se torne forte” na Líbia.

Nos últimos meses, Washington já tinha ordenado vários bombardeamentos pontuais contra posições do grupo “jihadista” noutros pontos do país.

1000x563_340333.jpg

Milhares de pessoas participaram, na catedral de Rouen, no norte de França, na última homenagem ao padre Jacques Hamel. A cerimónia teve lugar exatamente uma semana depois do assassinato do sacerdote octagenário, na igreja Saint-Etienne-du-Rouvray, na Normandia, pela mão de dois “jihadistas” que disseram atuar em nome dos extremistas do autoproclamado Estado Islâmico.

O arcebispo de Rouen, que conduziu a homilia, saudou a participação de fiéis de outras confissões religiosas, nomeadamente da comunidade judaica e muçulmana.

Uma participante explica que não é “católica, nem religiosa”, é “ateia”, mas decidiu marcar presença “num ato de rebelião contra o terrorismo”.

Outro frisa que “é importante estar aqui, como cidadão muçulmano”, para “mostrar união com os fiéis e os compatriotas, num momento de comunhão”.

Outra ainda afirma que conhecia “um pouco o padre”, da época “em que vivia em Saint-Etienne-du-Rouvray”, e diz sentir-se “muito tocada por este ato inaceitável contra alguém que apenas fazia bem aos outros”.

As obséquias decorreram debaixo de fortes medidas de segurança e contaram com a presença do ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, e do presidente do Conselho Constitucional, Laurent Fabius.

1-format2101.jpg

Os sul-africanos já estão a votar para as eleições municipais. Dia 1 e 2 são os dias reservados ao voto especial. Duzentos partidos estão na disputa, com destaque para três principais forças: o Congresso Nacional Africano (ANC), e os opositores Aliança Democrática (AD) e Combatentes pela Liberdade Económica (EFF). Para estas eleições estão registados mais de 26,3 milhões de cidadãos. O jornalista Emmanuel Langa está na África do sul.

640x360_340235.jpg

O Estado de Nova Iorque vai proibir o uso do jogo de telemóvel Pokemon Go a cerca de 3000 condenados por delitos sexuais que se encontram em liberdade condicional. Segundo as autoridades, que já apelaram à ajuda da empresa que desenvolveu a popular aplicação, o objetivo da medida é garantir a segurança das crianças que jogam na rua à procura das personagens virtuais, por receio de que os pedófilos se aproveitem da situação.

640x360_340212.jpg

A ChinaFile, uma revista digital norte-americana do Centro de Relações Estados Unidos- Rússia, parte da Organização Não Governamental Asian Society, diz que Angola é o país africano que mais tem beneficiado dos empréstimos concedidos pela República Popular da China nos últimos 16 anos.

Luanda terá recebido, de acordo com uma investigação levada a cabo pela publicação digital, mais de 10 mil milhões de euros, em particular nos setores dos transportes, com 20%, e a produção e abastecimento de energia, com 18%.

No entanto, a sociedade civil, diz a ChinaFile, citada pela agência Lusa, recebeu apenas, em 16 anos, cerca de 600 milhões de euros.

A China consolidou-se como um dos principais investidores do mercado Angolano depois do fim da guerra civil naquele país africano, em 2002, impondo-se a investidores tradicionais como Portugal, o Brasil, a França e os Estados Unidos.

Os investimentos chineses podem ser encontrados em setores considerados fundamentais para o desenvolvimento económico do país, desde as estradas aos caminhos de ferro e pontes e viadutos.

Por outro lado, a China afirmou-se como o principal importador do petróleo produzido no mundo e em Angola, matéria essencial para a economia do país. Pequim obteve ainda, segundo a publicação ChinaFile, condições favoráveis para a exploração de minérios em Angola.

Vivem, em todo o continente Africano, cerca de 1 milhão de chineses, 250 mil dos quais em Angola, um dos países com a maior concentração de pessoas oriundas do país asiático no região.

Outros dos países que mais beneficiaram dos empréstimos chineses encontram-se o Sudão, o Gana e a Etiópia. Desde o ano 2000, África terá recebido da China pelo menos 90 mil milhões de euros, um valor que rivaliza com os montantes investidos pela primeira economia do planeta, os Estados Unidos, que investiu 94,5 milhões de euros.

Programas

  • IFeliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

    Onde quer que esteja, em Maputo ou em Lichinga, em Tete ou Chimoio, a TVM está consigo. Somos a única televisão que esta em todo o país e com todos os moçambicanos a comemorar o dia da indepe...

    Readmore

  • IFeliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

    Onde quer que esteja, em casa ou na rua, sozinho ou com amigos, a TVM está consigo. Porque somos a única televisão que esta em todo o país e com todos os moçambicanos a comemorar o dia da indep...

    Readmore

  • IFeliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

    A TVM é a única televisão que está em todo o país e com todos os moçambicanos a comemorar o dia da independência. Feliz 25 de Junho....

    Readmore

  • Feliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

  • Feliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

  • Feliz 25 de Junho

    Feliz 25 de Junho

PROGRAMAÇÃO DE TV

Câmbio do Dia

Moeda Compra Venda
EUR 67.43 68.77
USD 57.90 59.06
ZAR 4.35 4.44
Fonte: BCI, 19 de Julho de 2018

Telefones Úteis

Por provincia

Assista a emissão em directo:

tvm1 smalltvm2 small

Powered by jms multisite for joomla